Após vitória, Milei afirma que trabalhará pela eleição de Bolsonaro

O presidente eleito da Argentina é simpatizante de Bolsonaro e pretende unir forças para promover a direita na América Latina

O futuro presidente argentino, Javier Milei, eleito ontem à noite (19), já tem planos para uma agenda internacional. O libertário deseja colaborar para eleger outros políticos de direita na América do Sul.

Javier Milei é simpatizante e defensor de Jair Bolsonaro, ex-presidente brasileiro e líder da oposição contra Lula.

Em uma publicação em suas redes sociais, logo após a confirmação de sua vitória, Milei afirmou que ajudará na campanha de Bolsonaro e Donald Trump.

“Javier Milei 2023, Donald Trump 2024 e Jair Bolsonaro em 2026”, escreveu o libertário.

Uma resposta

  1. Nos da direita sabemos que imposto e roubo . Tiram do pobre para dar a politicos corruptos de esquerda que empreguina os orgaos publicos e empresarios ligados a licitacoes viciadas e forjadas. Dessas licitacoes sai todo o apoio financeiro para futuras eleicoes da esquerda. Sem elas a esquerda sao caes raivosos por falta de dinheiro e farao de tudo para roubar e voltar ao poder.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco