Filha trans de Elon Musk sofreu ‘lavagem cerebral’ por professores de esquerda para romper laços com o pai

A jovem acredita que o pai seria uma "pessoa do mal" por ter ficado rico

O bilionário da tecnologia Elon Musk afirmou que sua filha transgênero sofreu manipulação por parte de seus professores para não mais se comunicar com ele. A jovem, que nasceu como menino, hoje se identifica como Vivian Janne Wilson, é comunista e acredita que o pai é uma pessoa ruim por ser rico.

Em entrevista ao portal americano New York Post, Musk afirma que não possui mais qualquer relação com sua filha devido à doutrinação que ela sofreu em uma escola em Los Angeles, na Califórnia.

Musk também mencionou que a transição de gênero de sua filha coincidiu com as mudanças em suas opiniões políticas. O fato levanta questões sobre a possibilidade de a jovem ter sido manipulada também em relação às suas visões de gênero.

Embora a escola em que a jovem estudou seja uma referência em ensino “humanizado” com traços de esquerdismo, a mensalidade da instituição custa cerca de US$ 50.000 por ano e é uma das mais caras da região.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco