“Pode ir na ONU, na Liga da Justiça, to nem aí” Tarcísio de Freitas responde às denúncias da esquerda

Governador de São Paulo se manifesta sobre acusações de escalada da letalidade policial e falta de transparência durante operações de combate ao crime

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), reagiu às denúncias feitas ao Conselho de Direitos Humanos da ONU nesta sexta-feira (8). Em seu pronunciamento, afirmou que a Operação Verão está sendo conduzida com profissionalismo pelas forças policiais.

Disse ainda que estão tranquilos com as ações realizadas e que não têm interesse em confrontos. Freitas destacou a remoção de barricadas na Baixada Santista como parte do restabelecimento da ordem.

As denúncias feitas pela Conectas Direitos Humanos e pela Comissão Arns apontam para uma suposta escalada da letalidade policial durante a Operação Escudo na região, incluindo execuções sumárias, tortura e prisões injustas, além da falta de uso deliberado de câmeras corporais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco