Bolsonaro foi o único presidente brasileiro a condenar a existência do Hamas

Antecessores do conservador buscaram o diálogo com o grupo terrorista

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) foi o único chefe de estado brasileiro a condenar a existência do grupo terrorista conhecido como “Hamas”. Desde sua criação, os demais líderes brasileiros buscaram diálogo com o grupo terrorista.

O Hamas é um grupo terrorista que defende o extermínio do povo israelense em nome de uma suposta “libertação” da Palestina.

Atualmente, o confronto entre o Hamas e Israel se intensificou e no último sábado, dia sagrado para os judeus, os terroristas fizeram uma investida sangrenta, causando centenas de mortes de israelenses e palestinos.

Quando presidente, Bolsonaro se mostrou firme na defesa de Israel, condenando grupos terroristas e defendendo a mudança das embaixadas de Tel Aviv para Jerusalém.

Por outro lado, os outros chefes de estado brasileiros defendem que esses grupos terroristas se estruturem como grupos políticos em defesa do povo palestino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco