Governo Federal aciona PF para investigar quem compartilha notícias consideradas falsas

Medidas são tomadas para deter a disseminação de conteúdos considerados desinformativos que poderiam afetar a eficácia nas operações de resgate e assistência

O Governo Federal tomou medidas firmes para enfrentar a disseminação de notícias consideradas por ele falsas relacionadas à operação de resgate e assistência no Rio Grande do Sul. O Ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta, expressou sua indignação com a situação, destacando o esforço incansável das equipes de resgate e a preocupação com a desinformação que compromete esses esforços.

Como resultado, foi solicitada uma investigação pela Polícia Federal e pela Advocacia Geral da União para responsabilizar aqueles que propagam fake news, uma ação desdobrada de uma reunião de emergência do Governo Federal.

Para garantir a “eficácia das medidas de socorro”, a AGU e o Ministério da Justiça estão coordenando esforços para combater a disseminação de desinformação, incluindo ações judiciais e criminais contra os responsáveis. Segundo eles, o foco é preservar a integridade das operações de resgate e direcionar todos os recursos disponíveis para salvar vidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco