Para proteger ministros, Lula quer que votos do STF sejam secretos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) expressou o desejo de tornar as votações no Supremo Tribunal Federal sigilosas, onde as posições individuais dos magistrados não seriam reveladas, apenas o resultado final dos julgamentos.

Lula argumentou que a sociedade não precisa conhecer o voto pessoal de cada ministro da Suprema Corte. Durante sua live semanal, ele afirmou: “A sociedade não deve estar ciente do voto de um ministro da Suprema Corte. Não acredito que seja necessário que alguém saiba; se a maioria votou de uma maneira, não é necessário que todos saibam. Isso evitaria que as pessoas fiquem com raiva quando perdem ou felizes quando ganham.”

O presidente destacou a importância de reconsiderar a situação atual no Brasil para evitar a polarização e as possíveis consequências negativas para os ministros da Suprema Corte em suas vidas pessoais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

categorias

REDES SOCIAS

fale conosco